Porto Seguro recebe importante evento sobre a Copa do Mundo

 

 

 

A possibilidade de Porto Seguro tornar-se uma pirâmide de necessidades para o Brasil durante a Copa tem atraído grandes eventos para a Costa do Descobrimento. Nos dias 25 e 26 de abril ocorreu no Senac do município o FIPTUR COPA & MEGAEVENTOS. Organizado pelo Convention Bureau Porto Seguro com o apoio da Prefeitura MunicipaL, do Sindhesul, da Secretaria de Turismo do Município, do Sebrae, do Senac e do Sesc,  o acontecimento representa um grande marco para a cidade, pois contribui para que empreendedores e moradores estejam preparados para realização de três importantes pilares durante a Copa: a promoção do destino fora do país, à qualificação da mão de obra como principal investimento de geração de lucro e a inserção da iniciativa privada dentro do evento.
    O presidente da FIPTUR e do Fórum Internacional de Comunicação da Ecologia e Turismo (FICET), Gorgônio Loureiro, ressaltou que a qualificação da mão de obra deve ser o principal investimento para a Copa do Mundo.  “A qualificação de pessoas que tem contato direto com o turista, tal qual o taxista que o recepciona no aeroporto, o recepcionista do hotel, o garçom e o guia turístico, por exemplo, atrai melhores resultados para o turismo do que a própria acessibilidade, através de obras, aos locais do evento”, conclui. Outro fator abordado foi à importância de divulgação do destino fora do país. “A forma como vai ser feita esta exposição, esta venda de imagem, tem que ser determinante para garantir frutos positivos após a Copa do Mundo que acontece em apenas um mês”, concluiu Gorgônio Loureiro.
    Um grande marco do evento foi à palestra de Patrícia Martins, Superintendente do Convention Bureau Porto Seguro, que relatou todo o histórico de acontecimentos para que Porto Seguro fosse aprovado como Centro de Treinamento de Seleções – o que já é uma realidade –, além de destacar todos os passos necessários para que as próximas conquistas aconteçam com o apoio de todos. “É importante à participação de toda a sociedade e empresários de Porto Seguro para que possamos colher os verdadeiros frutos que a Copa do Mundo trará para o município pós-copa. Já somos uma CTS e temos a confiança dos principais órgãos para que uma seleção de futebol escolha Porto Seguro, porém precisamos de mais apoio para que os próximos passos sejam realmente alcançados”, disse.
    Para a gerente comercial do Vela Branca Resort Hotel, Manoela Madureira, que participou do evento como expectadora, receber o presidente do FIPTUR COPA & MEGAEVENTOS em Porto Seguro, junto a representantes da  Secretaria Estadual para Assuntos da Copa do Mundo da FIFA Brasil 2014 (Secopa) e demais órgãos especialistas é um verdadeiro aprendizado sobre a Copa do Mundo. “A importância do Fiptur é realmente imensurável, pois já ocorreu em Porto Alegre, Recife, Salvador e Maceió e, segundo Gorgônio Loureiro, Porto Seguro é a primeira cidade que não é capital a sedia-lo, ou seja, uma grande conquista para o município”, destaca.

 

 

 

© 2017 Revista Bacana. Todos os direitos reservados. Designed By Top Level